País purista a prosear bonito, a versejar tão chique e tão pudico, enquanto a língua portuguesa se vai rindo, galhofeira, comigo - Alexandre O'Neil

sábado, Abril 12, 2014

Hoje é sábado......

Hoje é sábado.
A música de intervenção faz todo o sentido, ontem, hoje e amanhã.
Não se canta de pantufas e muito menos com a pança cheia e, com a caridadezinha numa mão e, na outra mão a faca que nos degola.
ESTA É A MINHA GENTE.
Aprendi com eles o que era a LUTA!!!
Aprendi de que lado estão os companheiros, amigos e a solidariedade.
Aprendi que a utopia existe e é POSSÍVEL!!!
Aprendi que quem nega a utopia é um canalha que serve os interesses dos exploradores capitalistas.
Aprendi que com uma navalha se mata um porco.
Ainda muito antes dos «actuais democratas» serem alguém já ouvia, na clandestinidade, este e outros verdadeiros revolucionários. 


DESFRUTEM-NA, MAS POR FAVOR, NÃO A ESTRAGUEM!!!
O golpe de estado de Augusto Pinochet, apoiado pelos norte americanos e comandado pela CIA, contra o presidente Salvador Allende, em 11 de Setembro de 1973, surpreende Jara na universidade.  O presidente Salvador Allende FOI ELEITO DEMOCRATICAMENTE, EM ELEIÇÕES, E DEPOSTO E ASSASSINADO PELO GOLPE MILITAR DE Pinochet. 
Vitor Jara é detido com outros alunos e professores e, conduzido ao Estádio Chile, convertido em campo de concentração, e mantido lá durante vários dias. Sofre torturas BRUTAIS durante os dias de cárcere antes de seu fuzilamento, no dia 16 de Setembro do mesmo ano. Cortaram-lhe as mãos como parte do "castigo" dos militares ao seu trabalho de consciencialização social aos sectores mais desfavorecidos do povo chileno.

«Saludos a todos los compañeros de latinoamerica desde Barcelona, escuchar esto desde pequeño y al cabo del tiempo comprender que estas personas son inmortales y un ejemplo para todos los que queremos un mundo mejor. VIVA LA REVOLUCION!!!!!! No te olvidaremos nunca victor!!!!!> 

OS COBARDES CAPITALISTAS SÃO VENAIS. 
ROUBAM E ESCRAVIZAM O POVO.
ONTEM, HOJE E ATÉ TU DEIXARES!!!  

sexta-feira, Abril 11, 2014

Assim serão as próximas entrevistas com o senhor «Roma»

Quem quiser um emprego vai ter, muito em breve, de se sujeitar a uma «tanga» semelhante a esta.
A resposta final da entrevista diz TUDO!!!
Queres um emprego?
EMIGRA.
Os empregos que por cá se fazem são para os gordurosos!!!
Quando vejo este vídeo só me lembro da CORJA!!!
E da santinha do «coito», a tia Jonet..... 


Mais um corte

Mais um corte que vai passar de provisório a definitivos....
Antigamente os definitivos chamavam-se «mata ratos», hoje são «mata reformados»!!!
O país está melhor??
Pois claro que está....«se Roma disse, está dito»!!!


PORCOS, PAROLOS E BACOCOS!!!


A Mente sua classificação


Cada um só tem o que merece!!!

Falcone na Face Oculta

O que foi, afinal, o processo Face Oculta? Uma conspiração terrorista contra o PS?
Uma tenebrosa cabala da Polícia Judiciária, do Ministério Público e de um juiz de Aveiro contra Sócrates e o seu amigo Armando Vara? Estas foram as motivações que o PS de então encontrou no processo mas, em 40 anos de democracia, nunca um partido desceu tão baixo para esconder os seus próprios males. Esse PS que reinou de 2005 a 2011, apostado em “partir a espinha ao Ministério Público”, diabolizou o carácter de todos os profissionais envolvidos na investigação, demoliu instituições, fez do processo penal uma ciência maléfica, apostou na intoxicação da opinião pública, meteu cunhas ao mais alto nível para escapar incólume. 
Quer esse PS queira quer não, o Face Oculta é um processo exemplar e um retrato implacável do abuso de poder, corrupção, tráfico de influências e total ausência de valores éticos que são hoje os elementos estruturantes do exercício do poder em Portugal.
O outro processo-que-nunca-chegou-a-ser, anulado num verdadeiro golpe de Estado que usou a manipulação da lei como arma, ainda é pior. A forma como foi inviabilizada a investigação do negócio PT/TVI e do crime de atentado ao Estado de direito, caracterizado no essencial como uma grave limitação da liberdade de expressão através da concentração de poder nos media, vai perdurar como uma das maiores doenças da justiça. A protecção intrapares dos próceres do regime político e judicial, através da invenção de uma “extensão procedimental” para tirar Sócrates do caso, ficará como um violento ataque à separação de poderes.
O Face Oculta não podia ser maior espelho dos lixos O que foi, afinal, o processo Face Oculta? Uma conspiração terrorista contra o PS?que se acumulam nas sarjetas da República: tudo começou com uma dívida fiscal do sucateiro Manuel Godinho. Da dívida fiscal passa ao processo-crime e passa a ser possível recorrer a escutas. No telefone de Godinho cai Vara e Paulo Penedos, no destes cai Rui Pedro Soares e, aqui, cai a mitomania de fabricar uma campanha política com um imenso coro de jornalistas e comentadores por conta. 
Hoje, a narrativa é a do costume: os investigadores são acusados de “politização” da justiça e os políticos transformam­-se em vítimas. Com as devidas diferenças, lembramo-nos de Baltazar Garzón, citando Giovanni Falcone, sobre a desacreditação dos juízes: “ Falcone compreendia-o bem. Dizia :‘Primeiro começarão pelo ataque jurídico.’ E fizeram-no. ‘Depois virá a desacreditação pessoal.’ Fizeram-no. ‘Depois virão as calúnias.’ E vieram. ‘E depois virão atrás de mim.’ E foram.” Por cá, é mais ou menos assim. Não mata mas rebenta com o Estado de direito democrático.

Eduardo Dâmaso


Gostei de ler!!!

Despedida adiada


OUTRO PARA QUEM “Roma falou, a causa está encerrada.
OH! CHERNE VAI MORRER LONGE.....

Ponto de vista

Hoje comemora-se o Dia Mundial da Saúde. Para quem, como eu, pensa que estas efemérides, são como certos genéricos que não passam de paracetamol, vulgo aspirina, mas que se quer fazer crer que são exactamente o mesmo que o medicamento de marca, puro engano e falácia para enganar o doente. De qualquer forma, com ou sem festança, que a data sempre determina nestas alturas, seria de todo interesse que os portugueses tivessem acesso ao retracto do sector da Saúde fornecido pelos dados divulgados pelo Instituto Nacional de Estatística e, principalmente que houvesse a capacidade e discernimento de os entender.
Isso sim, seria algo de muito importante para se perceber como anda a Saúde no nosso país. De uma análise ao referido retracto conclui-se, sem necessidade de recurso a grandes análises estatísticas descritivas que, o sector da Saúde vai de mal a pior, em Portugal.
Desde logo, são perfeitamente identificáveis quer a brutalidade dos racionamentos introduzidos pelo actual Governo nos hospitais públicos, quer como esta gestão de merceeiro tem favorecido o negócio da saúde privada.
Só entre 2002 e 2010, o número de actos complementares de diagnóstico cresceu continuadamente nos hospitais públicos, mas a partir de 2010 baixou substancialmente.
Assim, entre 2010 e 2012, os hospitais públicos fizeram menos 44 milhões de actos complementares de diagnóstico (análises e exames como radiografias ou endoscopias) e menos 2,6 milhões de actos complementares de terapêutica (fisioterapia, radioterapia, etc.).
Nestes dois anos, 2010 a 2012, o número total de exames e análises caiu 27%. 
Em contrapartida, neste período, as unidades privadas aumentaram substancialmente a sua actividade nestas duas áreas, embora o aumento verificado não tenha sido suficiente para compensar a redução verificada no sector público, o que nos releva um outro aspecto preocupante.
Da mesma forma, entre 2010 e 2012, nos hospitais privados, que em 2012 asseguravam já 8% do total das análises e exames (em 2002 eram apenas 1% do total), esta actividade aumentou substancialmente mais de 1 milhão de actos em 2010, para 9,6 milhões em 2012.
Os portugueses deixaram de fazer determinados exames e análises e, a explicação só pode ser encontrada no aumento brutal dos custos de tais diagnósticos. Ou seja, o português passou a ser um cidadão do oitavo mundo a quem, por falta de dinheiro, lhe são negados os cuidados médicos de diagnóstico.
O mesmo relativamente ao número de atendimentos em urgência, que também cresceu substancialmente nos privados, praticamente duplicando numa década, passando dos 460 mil de 2002 para os 800 mil em 2012.
Ao longo desta década, os hospitais públicos perderam cerca de três mil camas, enquanto os privados passaram a dispor de mais 1400 camas.
Em 2012, os hospitais privados já eram responsáveis por mais de um quarto, 28%, do total das consultas externas e por quase 12% das urgências. 
Também as grandes e médias cirurgias, depois de terem crescido até 2010, diminuíram em 2011 e 2012 no sector público, refere o mesmo relatório do Instituto Nacional de Estatística.
Os portugueses que podem fogem dos hospitais públicos, os que não têm como escapar sujeitam-se aos perigos de serem atendidos em condições cada vez mais desumanas e deploráveis. Atente-se na carta aberta que as instituições ligadas à Saúde, em Portugal, enviaram ao ministro Macedo.
Mas como pior que o cego, é o que não quer ver, dado os interesses instalados o senhor ministro da saúde, Paulo Macedo, veio dizer esta barbaridade, mais uma: “Não há maior disparate que dizer que na Saúde houve cortes cegos”. Os dados do Instituto Nacional de Estatística vieram dar-lhe razão: não foram cortes nada cegos, foram cortes muito bem direccionados. Os privados, que já tinham razões de sobra para aplaudirem o bom trabalho dos seus antecessores, nunca tiveram um Ministro da Saúde que por eles fizesse tanto em tão pouco tempo. Degradar primeiro para privatizar depois. Está quase.
Tenham um bom dia, de preferência com boa e melhor saúde.

(Crónica na Rádio F - 7 de Abril de 2014)

quinta-feira, Abril 10, 2014

PARA VER JÁ.....

Este vídeo é para ser visto JÁ!!!
É que pode acontecer algo de muito estranho...
tipo APAGÃOOOOOOOOOOOOOO!!!
«O presidente do TIAC, explicou no programa Negócios da Semana, qual é doença terminal que fulmina Portugal. Não há justiça... Não há esperança, não há hipóteses, não há futuro!
Não é a corrupção de luvas e de favores... não é essa a pior chaga e mais dispendiosa forma de corrupção, são sim a nova classe de poliiticos conhecidos como os políticos homens de negócios, que tomaram para si o poder legislativo, o poder regulador, fiscalizador, o poder de decisão... e possuem agora todo o poder, liberdade e impunidade para por e dispor do dinheiro público, do poder público, da economia, do país e dos cidadãos. 
Esta corrupção, por incrível que pareça, permite legalizar o saque. 
Genial, qualquer saqueador percebe que não há nada mais eficaz para se proteger, dos que saqueia, do que tornar o saque legal, moldar as leis, e capturar a justiça.
E assim... 
Proteger o saqueador das vítimas.
Disfarçar os saques, moderadamente. 

Falir um país e milhões de famílias, sem que ninguém seja responsabilizado.»

A vingança de uns bufos


Eis a prova provada de que esta canalha quer vingança!!!
Vingança de TUDO o que um povo trabalhador, miserável e atrasado conseguiu a seguir ao 25 de Abril.
Só a canalha queria ter direitos!!
O resto da população MISÉRIA, FOME, ESCRAVATURA, TRABALHAR DE SOL A SOL E EXPLORADA ATÉ AO TUTANO!!!
CANALHA NOJENTA!!!
SE NÃO QUEREM O DISCURSO DOS MILITARES DE ABRIL, ENTÃO OUÇAM O CAVACO.
O TAL QUE AGRACIOU PIDES, DEU-LHES REFORMAS, CONCORREU A UM LUGAR NA PIDE E RECUSOU UMA REFORMA AO CAPITÃO SALGUEIRO MAIA.
REVOLTA-ME QUE OS MEUS HERÓIS SALGUEIRO MAIA E ARISTIDES SOUSA MENDES, ENTRE OUTROS, TIVESSEM MORRIDO NA MISÉRIA POR CULPA DE UMA ESCUMALHA.
VERGONHOSO!!!
APETECE-ME VOMITAR....
DESCULPEM, MAS VOU ALI E JÁ VOLTO!!! 

O país está cada vez melhor...então não está??


Quem foi o acéfalo que disse que o país estava melhor???
GRANDE ACÉFALO!!!
Até o Gabão e Timor- Leste!!!
Somos de facto um país do oitavo mundo!!!

quarta-feira, Abril 09, 2014

Mas quem duvidava???


NADA, MAS MESMO NADA, ME ESPANTA NESTA NEGOCIATA, NESTE ROUBO!!!
Depois de Loureiros, Cavacos, Limas e outros que tais da mesma linhagem envolvidos em acções, com cotação ou sem ela....nada me espanta!!!
Quando um «sujeito» da judiciária diz, peremptoriamente, a um constituinte arguido que determinado processo é para ARQUIVAR, que são «ORDENS» do Ministério Público.
TUDO O RESTO SÃO AMENDOINS, PARA MACACOS!!! 
MACACOS POR MACACOS PREFIRO OS VERDADEIROS, NÃO É COCHINO??

Os «canudos» mais influentes!!!

Licenciaturas…
Mas por que motivo não aparecem ministros licenciados nas universidades públicas?
Uma constatação interessante que alguém teve a pachorra de compilar.
De facto, parece que, deste Governo, ninguém tirou o curso na Pública 
Eis algumas das Universidades Privadas mais representativas
- Universidade Moderna - encerrada pelas Autoridades por ser Centro de Crime Organizado.
- Universidade Independente - encerrada pelas Autoridades por ser Centro de Crime Organizado.
- Universidade Internacional - encerrada pelas Autoridades por ser Centro de Crime Organizado.
- Universidade Lusófona - os processos de equivalência provam que há licenciaturas fraudulentas.
- Universidade Livre que (passou a Universidade Lusíada) - nada leva a crer que seja melhor que as outras.
 
MINISTROS:
1 - MINISTRA DA JUSTIÇA:  Paula Teixeira da Cruz - Licenciada pela Universidade Livre.
2 - PRIMEIRO MINISTRO:    Pedro Passos Coelho - Licenciado pela Universidade Lusíada (ex-Livre)
3 - MINISTRO DA SEGURANÇA SOCIAL:  Pedro Mota Soares - Licenciado pela Universidade Internacional.
4 - EX-MINISTRO DE ADJUNTO:  Miguel Relvas - Licenciado ??? pela Universidade Lusófona.
5 - EX-MINISTRO DAS FINANÇAS: Vítor Gaspar - Licenciado pela Universidade  Católica.
6 - EX-MINISTRO DOS NEGÓCIOS ESTRANGEIROS: Paulo Portas -  Licenciado pela  Universidade Católica.
SECRETÁRIOS DE ESTADO:
1 -  Secretária de Estado do Tesouro e das Finanças - Maria Luís Albuquerque - Universidade Lusíada.
2 -  Secretário de Estado dos Assuntos Fiscais - Paulo Núncio - Licenciado pela Universidade Católica.
3 -  Secretário de Estado Adjunto e dos Assuntos Europeus - Miguel Morais Leitão -  Licenciado Universidade Católica.
4 -  Secretário de Estado Adjunto e da Defesa Nacional - Paulo Braga Lino - Universidade Portucalense.
5 -  Secretário de Estado da Administração Interna - Filipe Lobo D'ávila - Universidade Católica.
6 -  Secretário de Estado Adjunto do Ministro-Adjunto e dos Assuntos Parlamentares - Feliciano Barreiras Duarte - Universidade Lusófona.
7 -   Secretário de Estado do Ensino e Administração Escolar - João Casanova de Almeida - Universidade Lusófona.
8 -   Secretário de Estado das Comunidades Portuguesas - José Cesário - Universidade Lusófona.
9 -   Secretário de Estado da Solidariedade e da Segurança Social - Marco António Costa - Universidade Católica.
10 - Secretário de Estado do Ambiente e Ordenamento do Território - Pedro Afonso de Paulo - Não diz.
11 - Secretário de Estado da Presidência do Conselho de Ministros - Luís Marques Guedes - Não diz.
12 - Secretário de Estado Adjunto da Economia e Desenvolvimento Regional - Não tem curso.
13 - Secretário de Estado da Energia - Artur Trindade - Não se sabe. E esta ? Quem diria!
PS : a "não se sabe" ainda foi das que mais diplomas deu ! !

Fechem  as Universidades públicas; não servem para nada!!!!!!!!!

PERCEBES AGORA COCHINO A RAZÃO PELA QUAL NÃO HÁ INVESTIGAÇÃO A NADA E COISA NENHUMA??
POIS É, CRETINO!!!!


ATÉ COM O LIVRO AO CONTRÁRIO !!!

Ted Talk- Amory Lovins: Um plano energético a 40 anos


Para VER, OUVIR E PENSAR!!!
PERCEBES COCHINO???

Pequeña Serenata Diurna