sexta-feira, setembro 30, 2011

Regresso ao tempo dos bárbaros....



Isto não se passa na Tailândia, na China, na Indonésia ou em qualquer país da Ásia, da África ou da América Latina nem da Arábia... ou do 28.º mundo...
Nada disso...
Isto acontece na Inglaterra...reino de sua Majestade a rainha...... reis e príncipes....
VERGONHOSO!!!!
Voltámos ao tempo dos coliseus de Roma???
Que diz a isto a Comissão Europeia???
Direitos da Criança???
E a ONU?????
Hipócritas de porcos.....

quinta-feira, setembro 29, 2011

A VERGONHA DO SÉCULO.....


Tribunal absolve Oliveira e Costa e Dias Loureiro. A Juíza considera tribunal comum incompetente para apreciar acção do BPN contra Oliveira e Costa, Dias Loureiro e outros ex-responsáveis do grupo.
JÁ NÃO HÁ PACHORRA!!!!

A anedota

Os portugueses são, sem sombra de dúvidas, os maiores a «pensarem» as anedotas para o anedotário nacional.
A propósito dos buracos do Jardim....
«No Funchal, uma senhora foi para a maternidade para ter dois bebés gémeos: 1 rapaz e 1 rapariga.
Em homenagem à sua terra natal, ela chamou a menina de Madeira e o menino de João Jardim.
O Presidente do Governo Regional, ao saber da notícia, foi visitar a mãe e bebés.
Ao chegar, a Sra. estava a dar peito ao menino e o Sr. Jardim tenta agradecer pela linda ideia dos nomes.
A Sra. interrompe-o e diz baixinho: - Chiiiiuuuu!!! Se a Madeira acorda o João Jardim não mama mais!»

quarta-feira, setembro 28, 2011

O trabalho «recorrente»!!!!


O Chico-espertismo não apenas se aprende na escola, também se decreta.

Esta é a denúncia que há muito vimos fazendo..só que um dia alguém ficou entalado e...clamou por santa engrácia!!!!
Agora um prior do Crato vem dizer tão só isto:«o trabalho deve ser valorizado!!»!!!
Que trabalho?????
HAJA VERGONHA!!!!

A tal coesão

O Presidente da República reafirmou a importância do valor da coesão, lembrando que a "coesão nacional" é também a união entre os poderes da República e os poderes regionais. A tal coesão que ESCONDEU até onde pode o buraco do Jardim...CLARO!!!!

Vende-se...está vendido

Denunciar a política de um prior de nome...Crato



terça-feira, setembro 27, 2011

Mais e mais do mesmo......

Má gestão causa buraco de 47 M €.......
A situação económica e financeira é tão grave que a inspecção recomendou a substituição "urgente" do actual conselho de administração, cujo mandato terminou em Dezembro de 2009, mas encontra-se ainda em funções.
O défice do centro hospitalar quase duplicou, passando dos 13 milhões de euros em 2008 para os 23,2 milhões de euros em 2009, continuando a subir para os 24,1 milhões em 2010.
Segundo a auditoria, esses resultados devem-se à má gestão que teve "fraca preocupação com a redução de custos", apesar da exigência dos ministérios das Finanças e da Saúde na apresentação de um plano de redução de despesas e de custos operacionais em 15 por cento.
Para o descalabro nas contas contou o facto de a "administração nunca ter funcionado como equipa", situação que contribuiu para não haver capacidade de gerir eficazmente o centro hospitalar.

A gestão ruinosa do Centro Hospitalar do Médio Tejo – que integra as unidades de Abrantes, Tomar e Torres Novas – causou um "buraco" financeiro de mais de 47 milhões de euros em 2009 e em 2010, revela uma auditoria da Inspecção-Geral das Finanças (IGF).
Mais e mais do mesmo...BURACOS....Isto parece um queijo suíço...só buracos...aonde vamos parar...mais empréstimos e...despedimento de funcionários ...e privatizações e mais privatizações....encerramento de serviços públicos ...tudo para pagar os BURACOS....
Mas HÁ MAIS E MUITOS MAIS.....

Mais uma à prior do Crato....

Pais impedem viagens em pé......no Vietnam as crianças para irem à escola atravessam a nado um rio...só falta esta no país do Coelho!!!! A fim de impedir que os filhos sejam transportados em pé num autocarro com a lotação esgotada, os pais de 30 crianças da Praia do Ribatejo impediram ontem a circulação da viatura que os levaria para o centro escolar da Barquinha.
O protesto obrigou à intervenção da GNR, chamada pelas 07h30, e o assunto apenas se resolveu quando foram enviados mais dois autocarros para levar os alunos, pelas 09h00. "São cerca de 30 crianças, entre os nove e os 12 anos, obrigadas a viajar em pé num autocarro com lotação esgotada, num percurso de 15 quilómetros", explicou ao CM José Pimenta, presidente da Associação de Pais da Praia do Ribatejo.
A acção de protesto, combinada numa reunião de encarregados de educação, visou "assegurar o transporte em segurança das crianças". "Não podíamos permitir que esta situação continuasse ao longo do ano lectivo", adiantou José Pimenta.
A câmara, responsável pelo transporte entre as freguesias e o centro escolar, já assegurou um segundo autocarro da Rodoviária do Tejo para fazer o percurso. "Garantiram-nos que a partir de segunda-feira haverá sempre um desdobramento para que esta situação não se volte a repetir", concluiu o porta-voz dos pais.
Depois do depósito das crianças em creches, criado pelo Ministério do Equipamento dito «social», agora temos a mesma versão à «prior do Crato» nos autocarros de transporte de alunos...Os acéfalos de sempre a mandarem(??) no país...
VERGONHA!!!!

segunda-feira, setembro 26, 2011

Afinal...estão guardadas....

A Justiça guarda escuta de Sócrates!!
Conversas que envolvem ex-primeiro-ministro continuam no cofre do Tribunal de Ovar à espera de uma decisão do Constitucional......
Ainda bem que ainda estão «gurdadas»!!!!
Pode ser que ainda se venha a saber muita coisa....«não é senhor porto de ovelha»???

NECRÓFAGOS

O Bastonário da Ordem dos Advogados, Marinho Pinto, afirmou que o Ministério da Justiça é gerido "por uma coutada de familiares e amigos" de Paula Teixeira da Cruz.
Durante uma assembleia-geral extraordinária da Ordem dos Advogados,  Marinho Pinto disse que o ministério "está entregue a João Correia  (ex-secretário  de Estado da Justiça do Governo de José Sócrates), cunhado da ministra",  Paula Teixeira da Cruz, criticando ainda a nomeação de assessores por parte  da ministra.  
O Bastonário da Ordem dos Advogados acusou a ministra da Justiça de  "ter duas caras, uma quando estava na Ordem e outra quando chegou ao Governo",  acusando-a de "estar a levar a cabo uma campanha infame e covarde contra  os advogados que prestam apoio judiciário". 
"Quando estava na Ordem, a senhora ministra propôs que os honorários  fossem pagos em oito dias e depois de chegar ao Governo mudou o discurso.  Isto demonstra uma clara falta de vergonha e um elevado grau de oportuníssimo  por parte da ministra", acusou Marinho Pinto. 
É só o Ministério da Justiça??? Claro que não...veja-se, por exemplo o que se passa com o Ministérios dos Assuntos Sociais...com o Ministério da Educação do Crato...e os alunos do RECORRENTE a «passarem» com notas de....20euros...
Quem investiga???
NINGUÉM...........ENTREGUES A NECRÓFAGOS......

domingo, setembro 25, 2011

Este não é o meu presidente...






Declaro, solenemente, por minha honra que não votei neste senhor....
Não aceito ser representado por esta MÚMIA....
«Sorriso das Vacas»??????
Colete de forças JÁ!!!
E, já agora quem investiga um tal de Silva que, no momento difícil que o país atravessa com buracos por tudo que é sítio, se dê ao desplante de GASTAR DINHEIRO, QUE NÃO É DELE, em viagens  a falar de vacas que sorriem, de podas e..do raio que o parta???
QUEM INVESTIGA ESTE???
Ninguém!!!
 Está, como outros, acima da lei....já sabiamos....

sábado, setembro 24, 2011



A arma da diplomacia...e a hipocrisia de uns outros que se negam a cada momento...HIPÓCRITAS...

Uma auditoria é demasiado pouco para tantos jardins....

Estava tudo a correr quase bem. O Governo até avançou com uma proposta que facilitará o despedimento de todo e qualquer trabalhador que acorde com uma inadaptação súbita ou que não consiga cumprir objectivos melhor imaginados pelo seu patrão e outra que reduz para metade o valor do trabalho suplementar. E eis que lá aparece outra vez aquele Alberto João a estragar tudo, a admitir que o valor da dívida da Madeira equivale ao da delinquência banqueira do BPN, àqueles mais de 5 mil milhões que, em capítulo anterior, “para salvar a Pátria”, fomos convocados a pagar. O Governo terá agora que flexibilizar ainda mais os despedimentos e tornar obrigatória a regra do voluntariado nas horas extraordinárias que, mercê da quase ausência de fiscalização, já fortalece a solidez financeira de grande parte do nosso tecido empresarial.

Mas o que é que uma coisa tem a ver com a outra? O mesmo que o desbaste que está a ser promovido nos salários e nos direitos laborais tem que ver com o argumento que o justifica, a situação das contas públicas do país: nada. E aceitar mais impostos, mais desmantelamentos de serviços públicos, mais cortes nas prestações sociais, mais vendas ao desbarato de património público e a terraplanagem dos nossos salários e direitos, longe de ser uma solução, é aceitar continuar a alimentar os desvarios de um poder que não está em boas mãos.

Quantos serão, afinal, os nossos Jardins? Demasiados para apenas uma só auditoria. O problema da Madeira tem que ser resolvido, é verdade, mas é apenas uma parte de outro, muito mais vasto. Alberto João foi impotente para travar a auditoria que está a resultar na sua exposição ao julgamento público. O mesmo julgamento que evitam os três partidos que têm poder quanto baste para adiar cine dia a auditoria à totalidade da nossa dívida. E a Madeira mostra como urge fazê-la para, aí sim, finalmente começarmos a reconstruir o que continua a ser consumido no banquete do clube de compadres que, à vez, mandam no Continente há tanto tempo como o auditado e até agora conviva reina na Madeira. Sentimo-los a passearem-se sobre os nossos sacrifícios. E pesam. Sem o travão de uma auditoria,pesarão cada vez mais.

Gosto disto...tirado daqui!!!

Fellini e os «inúteis»!!!


Uma pequena homenagem a um dos realizadores que mais me ajudou a compreender a porca sociedade que nos impõem....
Este são os «INÚTEIS» de Frederico Fellini a não perder NUNCA!!!!
Ontem, como hoje ...os inúteis que nos querem fazer ser e acreditar que somos......para gáudio e regozijo dos porcos.....

O «novo» Alentejo ou o interior que «eles» nos querem impor???

sexta-feira, setembro 23, 2011

Andromeda Stars in Your Eyes

O mesmo de sempre...bacocos!!!

A Câmara de Arouca propõe emprestar seis milhões à Estradas de Portugal!!!!!! Uma câmara a «emprestar» dinheiro às Estradas de Portugal???
Aonde é que já se viu tal coisa...quem investiga???
Fica-se a saber que o «empréstimo» é conseguido com recurso a....MAIS E MAIS ENDIVIDAMENTO!!!
Vergonhoso!!!
Esta cambada saberá que o aumento do endividamento local tem repercussão na dívida nacional?? Sabem??? Não sei se sabem ...ou se fingem saber....
A hipoteca de um país por causa de uns bacocos....
Mas há mais ...muitos mais...BACOCOS E PAROLOS!!!!

Reescrever a história - parte 3294

Via Paul Krugman, chega-nos esta pérola de Wolfgang Schäuble, ministro das Finanças alemão:
"It’s actually undisputed among economists worldwide that one of the main causes – if not the main cause – of the turbulence – not just now, but already in 2008 – was excessive public debt everywhere in the world".
Em português:
"Na verdade, há um consenso entre economistas de todo mundo de que uma das causas fundamentais - se não a causa fundamental - da turbulência - não apenas agora, mas já em 2008 - foi o excesso de dívida pública à escala mundial".
Vejamos, portanto:


Generais a mais custam 3 milhões

Inspecção de Finanças identifica 54 oficiais de alta patente em excesso e propõe ao Governo alterações no exercício de funções fora dos ramos.
Um país com mais generais por metro quadrado a nível europeu....só mesmo neste parolo país...resquícios de um tempo em que, um acéfalo chegou a almirante sem nunca ter comandado um simples barco a remos....
Galões e medalhas ao peito para que vos quero......
Toque-se o hino....

Cuidado......

Satélite colide hoje com a Terra.
Ainda não se sabe onde!!!
Já sabe, hoje para não variar, ande bem atento, em especial ao que pode cair da atmosfera.....
Pode ser que caia na cabeça de uns quantos......nada se perdia pois de massa encefálica nada têm, logo nada se perdia.....
Depois se diz.....

quinta-feira, setembro 22, 2011

Hay que ser REBELDE




Camila Vallejo, líder estudantil chilena, para que mais gente a conheça.....e seja exemplo de REVOLTA.

Um novo. Mas que novo???

Muitos têm afirmado que há um novo Ps....
Mas que novo???
Qual a razão pela qual escolheram para vice-presidente da bancada, do dito «novo» Ps, um tal de Basílio Horta, ex-líder do CDS sem PP????
Já em tempos, não muito remotos, foram buscar um tal de Freitas do Amaral e depois......um Ps virado para a rosinha.....
Novo Ps???
Haja decência......higiene mental, precisa-se!!!

O argumento mais pífio do século

"A confiança política (em Jardim) é uma questão para o PSD da Madeira e para o eleitorado da Madeira"
Pedro Passos Coelho, líder do PSD e primeiro-ministro de Portugal.

A região autónoma da Madeira ainda faz parte de Portugal e os madeirenses ainda são portugueses, verdade?
Assim sendo, as contas que Portugal apresenta, nomeadamente perante as instituições internacionais, também incluem as contas da Madeira, verdade?
Pedro Passos Coelho ainda é o primeiro-ministro de Portugal e não apenas de Portugal continental, verdade?
O Cavaco é o presidente de todos os portugueses? Verdade?
Não é necessário perguntar mais nada, pois não?


E estes??????

Dois presidentes da República, dois procuradores-gerais da República, três primeiros-ministros, quatro ministros das Finanças, três presidentes da Assembleia da República, dois presidentes do Supremo Tribunal Administrativo, três presidentes do Tribunal Constitucional, três presidente do Supremo Tribunal de Justiça, entidades regionais (líderes dos partidos e deputados incluídos).
A lista a que o Tribunal de Contas entregou os pareceres sobre as contas das regiões autónomas é vastíssima. E há ainda publicação no 'Diário da República'. Mas ninguém agiu face aos avisos.
E estes não vão ser alvo de investigação?????
HIPÓCRITAS....

No dia das mentiras....

No dia 1 de Abril de 2010, o Governo Regional da Madeira sabendo-se que ia entrar em Portugal a «troika», vai de alterar a lei de concessão de avales.
O novo regime jurídico, que entrou em vigor a 1 de Abril, tornou mais fácil a concessão de garantias e possibilitou avales a empresas públicas sem a apresentação de contra-garantias e para outros fins que não os de investimento na região. Sem esta alteração, o empréstimo avalizado de 220 milhões de euros contraído pela Electricidade da Madeira já este ano, que vai causar buraco nas contas públicas, não teria sido possível.
No início de Março, o parlamento madeirense aprovou o novo regime jurídico da concessão de avales.
Fê-lo apenas com os votos favoráveis do PSD e no meio de uma chuva de críticas da oposição, que falou em mais descontrolo na gestão da dívida indirecta da Madeira.
Em causa estiveram alterações à lei dos avales, que flexibilizou a concessão de garantias pelo governo regional.
Por exemplo, até à data, o aval só era prestado a operações que tivessem por finalidade financiar projectos de investimento na região.
Já o novo regime permite a concessão também a operações que visem "a reestruturação de sectores, de empréstimos e de empresas públicas regionais, o saneamento do sector da saúde e a substituição de empréstimos".
TUDO COMBINADO...SERVIÇO COMPLETO....
Quem pactua com estes criminosos são iguais a eles.......

quarta-feira, setembro 21, 2011

Agitar consciências


Os buracos

Mas quem se pode admirar de tantos e tantos anos haver derrapagem, falta de transparência e conhecimento das contas da Madeira???
Quem se pode admirar??
Alguém fiscaliza os poderes????
NÃO!!!!
É na Madeira....
Foi a incompetência do Constâncio na supervisão do Banco de Portugal é um Procurador Geral da República...é um Presidente da República...é um Tribunal de Contas sem meios...
Um país sem controlo de nada nem de ninguém....aos PODERES.......
ROUBAR E FARTAR....
Um verdadeiro país do oitavo mundo.....só buracos........

E falam «eles» de democracia....que IDIOTAS!!!

A semana passada chegou ao conhecimento do Bloco de Esquerda a informação de que o Ministério da Educação e Ciência estaria a promover nas Ofertas de Escola e Bolsas de Recrutamento contratos mensais para os professores que não foram colocados no Concurso cujas listas saíram a 31 de Agosto.
De imediato, a deputada Ana Drago enviou um Requerimento à Comissão de Educação, Ciência e Cultura no sentido de chamar o Ministro à Assembleia da República para prestar esclarecimentos sobre a situação. Uma situação como a que está criada nas escolas e nas vida dos milhares de professores contratados que tentam mais uma vez a sua sorte é para nós intolerável, foi por isso que decidimos chamar o Ministro pela primeira vez ao Parlamento
Requerimento foi chumbado na Comissão pelos partidos PSD e CDS, os que sustentam o governo, tendo a concordância de toda a oposição.
Aqui fica, para futuro, o requerimento que tanto os incomodou....
«Exmo. Senhor Presidente
da Comissão de Educação, Ciência e Cultura
Veio veiculado na comunicação social a informação de que, a partir deste ano lectivo, os docentes contratados que viessem a preencher os horários que estão em falta nas escolas passariam a ser contratados ao mês. Estes docentes sabem agora que já não serão contratados ao ano, ou por um determinado número de meses, são agora chamados a trabalhar ao mês, sem nenhuma garantia sobre o período em que vão trabalhar, onde vão trabalhar, se sequer vão trabalhar no mês imediatamente seguinte. Se se considerava que a situação que se perpetua há demasiados anos nas escolas pública era má, o Ministério da Educação e Ciência conseguiu surpreender e colocar as escolas perante um cenário absolutamente intolerável – o trabalho necessário ao normal funcionamento das escolas, aquele que garante que os alunos da escola pública têm acesso a um ensino de qualidade, passa a partir de hoje a ser prestado pelo docente que é colocado ao mês, e que não sabe se estará a trabalhar no mês seguinte.
É o grau zero da condição docente na escola pública. Não há nenhum serviço público que tenha o grau de precariedade que tem hoje o sistema educativo em Portugal.
As chamadas ofertas de escola são os mecanismos de colocação de docentes que resta após o procedimento concursal anual, e posterior à colocação de docentes na bolsa de recrutamento do Ministério da Educação e Ciência. Fica assim na decisão directa das escolas, cujos horários ainda não estão totalmente preenchidos, a contratação de docentes que não ficaram de fora do concurso e que tenham recusado as vagas disponíveis na bolsa de recrutamento. As escolas fazem-no através duma plataforma electrónica que, à revelia das escolas, dos directores de Agrupamento, e dos próprios docentes, tinha este ano lectivo uma novidade – o contrato do docente era automaticamente terminado ao fim dum mês.
Num contexto duma profunda crise económica e social, em que as pessoas se encontram em situações de enorme dificuldade, não deixa de ser profundamente preocupante que a resposta que o Ministério da Educação e Ciência considere fundamental dar às famílias seja, uma actividade docente totalmente precarizada, um serviço educativo sem garantias de qualidade, uma escola pública a caminho do empobrecimento
Por sabermos que o serviço educativo público no nosso país só pode responder às exigências com que a escola de hoje se depara se para tal puder recorrer aos melhores profissionais, por reconhecermos a centralidade que um corpo docente que se identifique com o projecto educativo tem para a escola pública de qualidade, e face a este ataque a princípios elementares do direito ao trabalho, o Bloco de Esquerda vem requer a presença do Ministro da Educação e Ciência na Assembleia da República, em sede da Comissão Parlamentar de Educação e Ciência, para prestar os devidos esclarecimentos relativos à colocação de docentes ao mês.
São Bento, 16 de Setembro de 2011
A deputada do Bloco de Esquerda
Ana Drago»

Quem tem medo que compre um cão...ou será cadela????
Talvez um Poodle, em francês, pois o senhor ministro deve conhecer a língua....caniche.....

Os buracos do Jardim

Uma ilha, um país e uns pantomineiros...à deriva!!!!
VIVA A REPÚBLICA DOS BANANAS!!!

terça-feira, setembro 20, 2011

E o que fez ele???

Que um ex-governante venha dizer o que sabe sobre o funcionamento dos poderes...é pouco...MUITO POUCO....
Denunciar só confirma o que TODOS já sabemos....
Importava que nos lugares que desempenharam tivessem tido a CORAGEM de algo fazer para mudar o rumo dos acontecimentos...
Mas...CALAM-SE e só voltam a ter voz no dia em que saem.....
FALTA DE CORAGEM....
Agora, foi um ex-vice-presidente da Câmara do Porto, Paulo Morais, que veio dizer que, "algumas empresas municipais são sedes partidárias disfarçadas".
Ma o senhor ex-vice o que fez para MUDAR TAL SITUAÇÃO??
Dizer não basta.....
O ex-vice e, agora professor universitário, disse haver uma "grande promiscuidade entre as máquinas partidárias e os poderes autárquicos" e as empresas municipais.
Senhor ex assim TODOS NÓS JÁ O SABEMOS...
Paulo Morais disse que "a maioria" desse tipo de empresa "não tem actividade", não sendo mais do que "um departamento municipal a fingir de empresa".E, acrescenta o ex-vice que, essas empresas deviam fechar “por uma questão de higiene democrática” e só as que têm “viabilidade económica”, porque conseguem gerar “receitas próprias”, deviam manter-se em actividade.
Pergunta-se: qual a razão pela qual o ex-vice não o fez...DIGA A VERDADE...ESSA É QUE IMPORTAVA CONHECER....
Para o ex-vice a falta de transparência é outro dos calcanhares de Aquiles do poder municipal português, propondo um modelo em que um cidadão tenha acesso a “mais conhecimento” sobre o que fazem os autarcas eleitos e como gastam o dinheiro dos respectivos orçamentos.
EVIDENTE senhor ex-vice...
Para se saber alguma coisa, pouca coisa, quantas vezes não há necessidade de se recorrer à CADA???
Então não é...só que isso não vem reflectido no pseudo relatório do DIREITO DE OPOSIÇÃO...ESCONDEM.....
E, o problema não se resolve com «novas regiões administrativas»!!!
Nada disso....o problema só se resolve quando a ESCUMALHA que oculta, nega e escamoteia a informação que é DEVIDA a todos os cidadãos.
A TODOS!!!!
As empresas municipais e as parcerias público-privadas, são “uma subtracção ao controlo democrático”.
Tem toda a razão....toda a razão....
“Quantas despesas não estão registadas em alguns municípios?????
Pois é...quando se souber...o barco vai ao fundo.....ninguém o duvide.....
Só na Madeira há buracos???
Não acreditem.....MENTEM os que dizem tal asneira.....
Mais e muito mais.....
Esperem pela volta ...........

Até onde vai o buraco????

O Tribunal de Contas está a investigar um novo buraco de 220 milhões de euros nas contas da Madeira. A confirmar-se, o desvio financeiro na região autónoma fica perto dos dois mil milhões de euros.
A nova dívida que o Tribunal de Contas está agora a investigar terá sido contraída recentemente pela Empresa de Electricidade da Madeira.
O dinheiro, ao que conta o jornal “Público”, foi desviado pelo governo de Alberto João Jardim para pagar despesas de funcionamento, incluindo salários e subsídios de férias dos cerca de 30 mil funcionários da administração pública regional.
A situação já definida pelo ministro das Finanças como insustentável vai levar o Executivo a impor um rigoroso programa de austeridade.
O Governo já está a estudar um plano de austeridade, que prevê mais impostos, corte no número de funcionários públicos e o fim do subsídio de insularidade, segundo a imprensa desta manhã.
Segundo o “Diário Económico”, entre as medidas está um corte do número de funcionários públicos mais ambicioso do que os 2% impostos pela troika, o que pode aumentar o objectivo anual de redução de 600 funcionários públicos madeirenses.
Funcionários que também vão deixar de receber o subsídio de insularidade, que representa um acréscimo de 2% nos seus vencimentos.
Na lista de medidas consta também um aumento do IVA superior ao fixado no memorando de ajuda a Portugal.
Outras medidas podem penalizar a MadeiraDe acordo com a lei das Finanças Regionais ao furar o tecto de endividamento, o Executivo é obrigado a reduzir as transferências num valor igual ao que vai além do limite máximo determinado para a região autónoma. Mas isso só será conhecido com o Orçamento de Estado para 2012
Uma situação que pode ser agravada já que o memorando da troika obriga á alteração da lei das Finanças Regionais até ao fim deste ano.
Pergunta-se: ATÉ ONDE IRÁ O BURACO DA MADEIRA?????
Será maior que a fossa de Mindanau???
Fossa por fossa........

Um barril de gasolina atirado contra um paiol de muitos milhões de pólvora

Pedro Passos Coelho, aqui há quinze dias
Pedro Passos Coelho, confrontado, quinze dias depois, com um desvio superior a 1.100 milhões
Alberto João Jardim, durante mais uma inauguração em Marte
Pedro Passos Coelho, sacudindo a água do capote
Miguel Relvas, génio incompreendido
João Duque, conselheiro económico de Passos Coelho

O comissário europeu Olli Rehn afirmou que o Eurostat já foi informado da existência de omissões nas contas da Madeira, que classificou como uma “surpresa que não é, de todo, bem-vinda”, depois do presidente do Eurogrupo, Jean-Claude Juncker, ter-se manifestado igualmente "surpreendido" com as notícias.
A Imprensa internacional destaca desvio e fala em "Ilha Desonesta".

E o bailinho ainda e será sempre ...o da MADEIRA....


Este trabalho é uma forma de RECORDAR O QUE SE DIZ E O QUE SE DISSE E O QUE NÃO SE DIZ!!!
HIPÓCRITAS....
TENHAM VERGONHA......

TUDO FARINHA DO MESMO SACO


Afinal para quê fingirem que NADA SABIAM????
Qual a razão pela qual HIPOCRITAMENTE fingiam NADA SABER???
Qual a razão pela qual SÓ AGORA UM PGR, o senhor de Porto de OVELHA, se decidiu pensar se ia ou não investigar??
Porquê só agora??????
HIPÓCRITAS!!!!!
Na minha terra ladrão é o que entra na vinha como o que fica à porta...a GUARDAR!!!!
OMISSÃO É UMA IRREGULARIDADE GRAVE!!!
Será que será?????
RUAAAAAAAAAA seus parasitas.........paguem do vosso bolso a roubalheira que fizeram e estão a fazer ao país!!!! 

segunda-feira, setembro 19, 2011

E o interior tão longe e tão caro....

Um recente estudo do Jornal do Fundão veio dizer-nos que viajar cá dentro (Portugal) fica bem mais caro que ir para fora....
Vejam-se alguns exemplos:

Guarda - Lisboa 
Carro ( ida e volta):
Gasolina - 72,66€
Portagem A23 (admitindo o valor de 0,08€/km) - 33,12€
Portagem A1 - 11,50€
TOTAL - 117, 28€.

Se optar por fazer a viagem de autocarro o bilhete de ida-volta custará SÓ.....30,60€.

Se quiser ir de comboio ( ida e volta) o preço será de 41€ no intercidades.

Agora o mais curioso.......
Uma viagem de AVIÃO de Lisboa - Barcelona (ida e volta), em regime low cost custará 41€!!!

Ora cá está...viajar dentro do nosso país bem mais caro do que viajar para o estrangeiro....
Será que tudo isto tem algum significado???
Pelos visto terá......
RUA PORTUGUESES, ESTE PAÍS NÃO É PARA VÓS!!!!

O «concurso» dele próprio.....

Imagine-se um país à beira do ...mar, na Europa dita civilizada, democrática, estado de direito...tudo isso que o leitor tem «safadamente» ouvido e lido por tudo quanto é sítio....
Sítio, local, não estado do dito.....
Imagine, que nesse país de idiotas um «sequeira», de nome completo, António Sequeira Ribeiro é funcionário público desde 1991 e inspector-geral há quase seis anos.
Ou seja um lambe-botas, um mangas-de-alpaca borra-botas!!!
E, o tal «sequeira» (do dicionário da língua portuguesa seca, maçada) resolve abrir um concurso....normal...num país em que as admissões na função até estão congeladas(????).
Será que estão???
Bem...em frente....
O «sequeira» abre «concurs»mas...curiosamente para ELE PRÓPRIO.....
Isso mesmo...um concurso ...para o próprio «sequeira»!!!
Nem mais...
Tudo isto se passa no ministério, ou será mistério(???), de uma assunção...a Assunção Cristas..uma super ministra......
Para uma super ministra só um super concurso...para um super funcionário...
Tudo super....do supermercado.....
O Ministério da Assunção Cristas diz que candidatura foi legal e transparente.
Legal e transparente?????
Mas o aviso referia que não eram aceites candidatos já integrados na carreira.
LEGAL E TRANSPARENTE??????
Para esta assunção é LEGAL E TRANSPARENTE!!!!
Pois é......por isso tanta assunção e cristas....
Legal e transparente é uma galinha ter crista....ou será que já é legal e transprente????
Por decreto...só pode...mas naquele partido do PP todo o fenómeno é legal e transparente...e decretado.....mulheres de crista e homens de.....isso mesmo.....

Uma ajuda aos GATUNOS.....

Para que uns quantos se «governem» com reformas princepescas OUTROS há que vão pagar e, pagar bem, os ROUBOS de uns quantos...
Os funcionários públicos (alguns) irão pagar e BEM....
Pensões do Estado perdem 171 euros.
Só que, mesmo perdendo dinheiro, os funcionários públicos preferem perder dinheiro nas pensões a continuar a trabalhar....
TUDO DITO......

domingo, setembro 18, 2011

A frase do século...ou será da maria???


“Há limites para os sacrifícios que se podem exigir ao comum dos cidadãos.”
Cavaco Silva
, em 9 de Março de 2011
 
Será que falava da Madeira e dos buracos do Alberto João???

E o tango era deles....

Numa vista à Madeira, a líder social-democrata na altura, Manuela Ferreira Leite, afirmava, que a Madeira é exemplo de um “bastião inamovível” e de "um bom governo do PSD”.
Acompanhada por Alberto João Jardim, Manuela Ferreira Leite foi recebida junto à estátua do descobridor da Madeira, João Gonçalves Zarco, ao som do hino do PSD tocado por uma banda musical do PSD/M, e percorreu várias ruas da cidade acompanhada por muitos dirigentes, deputados, candidatos do PSD.
Cumprimentou populares, comerciantes, entre os quais as floristas que lhe ofereceram uma flor e um vendedor de fruta em cuja banca provou o “tabaibo” (figo da Índia), e foi saudada por muitas pessoas que observavam o cortejo desde as janelas e varandas.
Seria inaceitável não vir à Madeira que é um exemplo típico um bastião inamovível do PSD, que é um exemplo do bom governo do PSD, é o local do continente e das ilhas, de todo o Portugal, em que a política social-democrata tem mais efeitos visíveis no que é o êxito, o progresso o desenvolvimento e bem estar das pessoas”, afirmou.
A líder do PSD rejeitou a crítica de que existe “asfixia democrática” neste arquipélago, argumentando que “quem legitima o poder é o voto do povo e não está ninguém aqui por imposição, é em resultado dos votos”.
Disse ainda não se sentir “absolutamente nada incomodada” por participar hoje numa inauguração do presidente do Governo Regional, o Centro Cívico das furnas, no concelho da Ribeira Brava, concluindo que tem criticado que se tenha utilizado dinheiros públicos para fazer campanha e fazer uma inauguração não gasta dinheiros públicos”.
Pela boca morre o peixe....para quem disse o que disse sobre o «Alberto» e o «governo da Madeira».....
Para quem disse que a democracia devia ser interrompida...
ESTOU FARTO DESTA CANALHA E ESCUMALHA, porra basta de tanta incompetência!!!

sábado, setembro 17, 2011

Uma comichão...

O Procurador Geral da República (PGR) vai analisar se houve(??) violação da lei de crimes da responsabilidade de titulares de cargos públicos.
E o «Alberto» ri-se.......
O Ministério Público está a «meditar» sobre a possibilidade de vir a abrir um inquérito à omissão da dívida madeirense, na sequência de acordos de regularização de dívida realizados pelo governo regional da Madeira, levando a não contabilizar encargos assumidos e não pagos
Mas o senhor de´«porto de ovelha» ainda é vivo???
Nunca mais se ouviu falar...pensei que...já estava na reforma de platina...cansado como a outra....
Analise homem...analise..se precisar de uns óculos pode pedir emprestados os do Coelho.....só os usa de vez em quando....momentos solenes.....
Esta é das tais notícias que só servem para enganar os tolos...
De intenções estamos todos fartos...FARTOS DESTA CANALHA!!!!

Mais uma das bafejadas....uma assunção!!!

A actual presidente da Assembleia da República, Assunção Esteves, é a protagonista de mais uma TRISTE E VERGONHOSA história de aproveitamento do poder...político.
Aquele ar cândido e angélico que, pelos vistos, só engana mesmo é os da «santa terrinha»...reformou-se aos 42 anos de idade...cansada...muito cansada...
Quadro do partido laranja, e pelo seu partido escolhida para o cargo mais alto da representação do Estado, a seguir ao presidente da República.
Aqui se denuncia uma ética política, aqui se denuncia um açambarcamento faccioso, aqui se denuncia uma mentalidade de rapina.
Uns têm que trabalhar até aos 65 anos com reformas  cortadas em 20%, mesmo que tenham descontado para a reforma  durante 40 anos ou mais.
São os trabalhadores portugueses, o grosso da população, a classe mais débil, a mais necessitada, a que deveria de ter mais apoios do Estado.
Aquela que tudo produz!
Esta personagem importante da quadrilha que governa Portugal, reformou-se aos 42 anos, com 2.445€/mês, após 10 anos de trabalho.
CANSADA...MUITO CANSADA.....
Os portugueses, TODOS, têm de ganhar a consciência que esta canalha de gente vai-nos destruir.
Dizimar-nos é o objectivo central do grande capital financeiro.
Fá-lo-ão de qualquer maneira, sabedores que são, que o seu sistema político não lhes resolve o problema de enriquecimento ilícito ao mesmo tempo acompanhado de algum bem-estar social de décadas atrás.
O capitalismo tem como meta a atingir a dominação total dos povos e reduzi-los a uma nova forma de escravatura.
PAUL ELOUARD - "É preciso voltar a despertar veredas, a descerrar caminhos, a extravasar as praças e a gritar o teu nome - LIBERDADE".

Os mentirosos de sempre....

O descalabro começou...e começou por onde muitos se julgavam seguros os «maiorais».
Foi assim ao longo dos anos...o reino do Jardim, implantado numa ilha .... foi ao charco...
Já se sabia...só não via quem não queria...
Milhões que os cubanos (os do continente) pagavam para a festa do Jardim...
Obra bem feita e bem «escondida», diga-se....inaugurações, duas por dia.......
Pois, mas o que para lá vai ...vai do continente....dos cubanos...injustamente dava-se ao Jardim e TIRAVA-SE ao INTERIOR...digam-no, claramente...seus hipócritas...
Alguma vez houve a ousadia, irreverência de apontar o dedo e dizer o que uns poucos clamavam, QUEREMOS O MESMO TRATAMENTO...CUSTOS DE INTERIORIDADE...
Mas.... NADA!!!
Hoje percebe-se o que foi o regabofe da madeira...um jardim de construção civil para alguns fazerem fortunas...dívidas e mais dívidas...escondidas....
MIL E SETECENTOS MILHÕES DE EUROS.....grande obra...pois então!!!
DESVIO COLOSSAL...ORA BEM, não é senhor bódinho???
Os hipócritas de sempre lá vêm com as desculpas de sempre...PERDÃO IRMÃO...
Claro...um apagão e já na dívida...e os «cubanos» que paguem......
Só que agora, já cá não mora o «padreca» do Gutteres e a irmandade franciscana para perdoar a dívida.....
Agora DESCOBRIU-SE mais uma ROUBALHEIA nacional....a tal «obra»!!!
Escondeu-se dos «comissários».....depois diziam que era só a Grécia que escondia...
Há mais e muito mais seus comissários cegos.... neste pais de GATUNOS...
Mais e mais.....muito mais.....só que estão calados...ver se passa a chuva.....abrigados no alpendre da casa de pasto.....com ramo de loureiro à porta.....
Jardim vai de «novo» ser eleito com mais e mais maioria..não se duvide...o caciquismo, a ignorância e a palermice lá como cá....
Ele será o dono dos ovos......só que já não são de ouro...estão podres e, nem para omolete servem, só mesmo para parirem bodes mal cheirosos.....
Já agora....a cavaca vai escrever no twiter?????
Talvez....sim ou ... não!!!!!
Depende da net...com ou sem ligação......
O que se sabe é que vamos TODOS pagar os milhões......e o «alberto» paga uma quantia irrisória, de umas notas das pequenas....
Pois é.....

Mas afinal, em que língua está a sinalização???


A Câmara Municipal da Guarda, ou da Patagónia, pode utilizar (gastar) o dinheiro que não lhes pertence em tudo o que quiserem...já todos percebemos que neste país de parolos, bacocos e acéfalos VALE TUDO...
Pagam-se(???) umas míseras notas de euro e....o CRIME COMPENSA...
Já se percebeu....
Os sacrifícios ficam SEMPRE para os outros, infelizmente...os mesmos de sempre a pagar o ...DESVIO COLOSSAL..
Agora, não nos OBRIGUEM a ler textos sabe-se lá em que língua.....português é que não é de certeza!!!
Tenham VERGONHA...uma criança do 1.º ciclo do tempo em que  escola era escola escreveria, sem quaisquer ERROS ORTOGRÁFICOS a palavra HISTÓRICO...
É que se não soubesse escrever, pura e simplesmente CHUMBAVA.....
Hoje, com «DIRECTORES» de TUDO E NADA... Engenheiros de coisa nenhuma... Presidentes de colectividades de recreio e boa comida....e de clubes de bairro...têm o desplante de colocar na rua um cartaz destes......
CRIME à língua portuguesa!!!!
Bem sei que nos venderam aos burros dos comissários ...que já em tempos idos nos quiseram vender ao citibank ...depois ao Eduardo dos Santos, Kadhafi, Hugo Chávez e...sei lá a quantos ditadores...
Por favor a MINHA PÁTRIA É A MINHA LÍNGUA....
A LÍNGUA PORTUGUESA NÃO SE VENDE...
ESSA NUNCA, MAS NUNCA SE VENDE.....SÓ MORTOS...
Nós ainda estamos VIVOS, somos poucos mas somos duros....antes quebrar que torcer...
Perceberam seus IDIOTAS????

quarta-feira, setembro 14, 2011

A Granja, a Metamorfose, a Patranha e a Lêndea

Uma granja é, por definição, uma propriedade rústica de amanho; o conjunto das dependências de uma propriedade agrícola; uma abegoaria, ou seja, um lugar em que se guardam gados e alfaias agrícolas.
Granjas há muitas, por cá, por lá, e até na terra dos unicórnios.
Como diz o povo, dela come e dela dá a comer a quem ela (a granja) quer agradar.
Como propriedade rústica, a granja não pertence a muitos. Ou seja, é uma propriedade na acepção mais filosófica de Proudhon. As ideias do proudhonismo, assentes no seu tratado sobre a propriedade privada, apelidado de pequeno-burguês por ser incapaz de compreender o ponto de vista da classe operária, são utilizadas em grande escala pelos teóricos burgueses para defenderem a “colaboração” entre as classes. Ora, é neste colaboracionismo que se quer existencial e cada vez mais fonte de pecúlio próprio que se vai construindo e consolidando a granja.
Nela vegetam entes que, na mais profunda das suas entranhas, chafurdam em dejectos dos quais se alimentam. Não são seres de qualquer reino, vegetal ou animal, nem quiçá mineral. O reino é a granja e os entes são uma espécie de metamorfose que se encontra algures entre o verme e o calhau de xisto. Quando ganham vida transformam-se em lêndeas
A lêndea mãe, que é quem governa de facto a granja, produz a patranha, espécie de saliva que brota das suas gengivas podres, resultado do escorbuto de que padece cronicamente. A patranha é também usada para nela se banharem as lêndeas filhas e para deste modo curarem suas feridas. É alimento para todos e os súbditos vivem agradecidos!
Depois de untada a vida com patranha, que lhes fica como brilhantina agarrada ao coiro, qualquer lêndea filha que se preze, logo que se vê assim sebosa, veste ceroulas de lã grossa e deixa que lhe comam o umbigo como se farinheira fosse. Como aliás sucedeu à rainha da granja, quando um dia também foi filha.
Quanto à lêndea mãe de hoje, que tudo faz para ser p…, nem mil vezes prenha conseguiria gerar esterco assim tão penteado e tão ceroulas de lã como ela própria! Nem tão arrogantemente porco nas regueifas que do seu majestático cachaço ascendem ostensivamente ao seu plebeu tutano encefálico. Revela assim a lêndea mãe a sua unicidade e a sua fraqueza. Mas julga, suinamente, que pelo menos não há lugares nem seres humanos livres da presença de Sua Putidade e da sua descendência.
Uma verdadeira hetaira dos tempos modernos.
Assim há locais aonde para se ser filho da p…, mesmo sem regueifas nas ideias ou verdura nas ceroulas, basta a alguém untar-se em patranha ao nascer, treinando assim para as lambidelas da vida.
A lêndea mãe, essa, tudo chama, ignobilmente, seu!
O sentimento de pertença ficou-lhe do facto de ter sido deixada na «roda dos expostos» de uma casa de caridade da senhora do coito!
Cobardemente espezinha e maltrata compensatoriamente quem ousa defender-se das suas garras e não queira ser lêndea.
Na granja a «revolta dos porcos» nunca foi feita.
Será que alguma vez o será?
A granja parece verdejante e viçosa. Só para esconder muita da podridão mal cheirosa que por ali a sustenta…
(artigo publicado no jornal O Interior em 8 de Setembro de 2011)

domingo, setembro 11, 2011

A VIGARICE...mais uma!!!!

A maioria das 20 mil novas vagas em creches serão em IPSS e o Governo não as comparticipa.
Ou seja, os pais poderão ter que pagar o custo total.
Algumas instituições estatais passam para o sector social, mas também sem garantia de apoio financeiro.
A ideia, garante(??) o Executivo, é maximizar o espaço das instituições e não deixar crianças na rua.
Os parceiros do sector social aplaudem (€€€€€€).
Aliás, não só aplaudem como foram eles que o propuseram (€€€€).
Levanta-se, porém, uma questão(???): se era só uma questão de espaço, por que não se fez isto antes? "Porque o Governo só permitia que entrasse o número de crianças que podia comparticipar. Se uma instituição tivesse lugar para 30 crianças, mas o Estado só pudesse comparticipar 15, só entravam 15", explica o padre Lino Maia, presidente da Confederação Nacional das Instituições de Solidariedade Social.
Perceberam??? A caridosa obra das misericórdias??? Se houvesse comparticipação TUDO BEM...se não há...RUAAAAAAAAAA!!!
A aldrabice das 20 mil vagas começa a ser conhecido....há aumento do número de crianças por sala e...os pais pagam as péssimas condições onde os filhos ficam.....verdadeiros armazéns de desembarque de batatas....quem lucra??? As «misericordiosas» IPSS's só podiam....não é senhor padre Maia????

Vamos voltar às candeias de azeite

As câmaras querem cortar luz na rua!!!
Autarcas ameaçam cortar iluminação pública, devido ao aumento do IVA sobre a electricidade para 23%.
E alertam para mais insegurança nas ruas...
Ora é desta que decididamente voltamos à época das candeias de azeite....para quem o tiver......
A idade média voltou!!!
Quem duvida???
Mas, ladrões já são mais que muitos...com ou sem iluminação!!!

sexta-feira, setembro 09, 2011

Nem «todos» estão acima da lei

PGR condenado a dar documentos.......
Pinto Monteiro tem 10 dias para facultar cópias pedidas pelo magistrado Carlos Monteiro.
Pois é...não há, nem pode haver ninguém acima da lei!!!
Alguns acham que sim ou, acham-se acima dela....da lei, claro!!!
Vá lá senhor de «porto de ovelha» entregue os documentos que lhe pediram e como manda a lei.....

quinta-feira, setembro 08, 2011

Uma audiência parlamentar



Uma audiência que, espera-se que haja resultados práticos...só que utilizador/pagador e.....portagens mas discriminação positiva(???)...ou se está contra ou a favor não há meios termos .......

quarta-feira, setembro 07, 2011

Uma rua do «Além»

Onde é que moras?
Na rua do «Além»!!!
Na rua de quê???
Na rua do «Além»!!!!
Estás no gozo....
Estou nada...é uma rua na Guarda, ali no bairro das Lameirinhas!!!
Só mesmo na Guarda....uma rua do «Além»!!!

terça-feira, setembro 06, 2011

A Bacalhôa

Os bancos portugueses estão aflitos com a chegada da troika aos seus balanços.
Afinal, o dinheiro que lhes falta para financiar a economia está nas mãos de alguns, poucos, grandes clientes que o pediram para comprar acções que agora não valem nem metade do que custaram.
Os investimentos do empresário madeirense Joe Berardo são um bom exemplo. A participação accionista no Millennium Bcp, que comprou a crédito, custou cerca de mil milhões de euros e vale hoje menos de 73 milhões.
Uma das empresas que detém as acções do Joe chama-se a «Bacalhôa»!!!!
Eheheheheh!!!!
Uma boa parte da posição accionista foi adquirida durante a guerra de poder então vivida pelos accionistas. São relatadas ligações suspeitas com os bancos financiadores - BCP do qual era presidente do Conselho de Remunerações e Previdência, CGD e BES - que o fizeram contra uma garantia de apenas 75% da Colecção Berardo (avaliada em 316 milhões de euros em 2007.
O acordo negociado com a CGD salvou Berardo. O investidor teve de reforçar as garantias colaterais. As negociações acabaram por ser fechadas apenas com a Caixa, BCP e BES, já que o Santander não concordou com os activos que estavam a ser entregues como garantia. A CGD e o BCP terão emprestado cada um cerca de 400 milhões, e o BES menos de 200 milhões. Na altura, Berardo terá conseguido prolongar o prazo dos empréstimos e congelar o pagamento de juros.
Outra «bolha» do Joe diz respeito à especulação imobiliária.
Berard possui activos, por exemplo, na área do imobiliário, que, nos últimos tempos terão desvalorizado, de acordo com especialistas, cerca de 30%.
Berardo foi contra a vinda do Fundo Monetário Internacional para Portugal desde a primeira hora.
E ele tinha a explicação: vai ser "um desastre".
Pois claro que tinha.....
"Na minha opinião, oxalá que eles [FMI] não entrem, mas acho que todos nós portugueses vamos pagar", afirmou.
 Joe Berardo chegou também a sugerir um acordo para ultrapassar as dificuldades, semelhante ao Plano Marshall, com que os Estado Unidos ajudaram a Europa a recuperar depois da II Grande Guerra. E queria financiamento e pagamentos da dívida a 50 anos. Tarde demais.
Em vez disso, uma equipa do FMI, do Banco Central Europeu e da UE veio obrigar os bancos a limpar os seus balanços, reequacionar participações e fortalecer rácios
Eis a razão pela qual Joe não queria cá o FMI e desejava que o «soneca» governador do Banco de Portugal, o Constâncio, se mantivesse a hibernar...... 
Desde a «compra» pelo Sócrates das obras de arte do Joe, até ao amigo Vara que lhe emprestou milhões dos contribuintes para comprar acções do BCP -Millenium!!! Tudo lhe era permitido.... O joe foi o «xico esperto» que se safou com a «bolha»!!! Só que a bolha rebentou.....e agora, ARROTAM os contribuintes portugueses....
Um dos que aproveitou a era socratina...e de que maneira.....

Investigar??? Para quê???

Governo manda fazer auditoria à Parque Escolar e congela cem novos projectos.
Ano lectivo arranca com 72 escolas em obras. O Ministério da Educação e Ciência confirmou ao DN ter pedido à Inspecção-Geral de Finanças uma "auditoria financeira, com componente técnica e administrativa", às contas da Parque Escolar. Governo está preocupado com o endividamento, que já se situa nos 946 milhões de euros, da empresa que José Sócrates e Maria de Lurdes Rodrigues criaram para requalificar e gerir os edifícios de mais de 300 secundárias.
Mais uma «comixão» de inquérito para concluir o quê????
O que TODOS os que não são acéfalos já sabem desde o princípio: ROUBO!!!!
INVESTIGAR????
Só para rir neste país de uns quantos GATUNOS!!!!

Uma família ....rica!!!!

Uma família rica......Investiguem o que quiserem, o dinheiro já é deles....Freeport, primos, tios e.....ingleses, uma mistura explosiva.....Uma família Inglesa, em terras lusas....
A mulher da fava rica.........

segunda-feira, setembro 05, 2011

O mesmo de sempre.....

Aí está o que se advinhava.....
As provas das escutas vão ser destruídas.....como sempre em Portugal!!!!

E se tivessem VERGONHA...

Já quiseram vender «dívida soberana portuguesa» ao Kadafi.....quem não se lembra da tenda e do encontro Sócrates e o ditador???
Depois venderam o «ruinoso» BPN, limpo dos desfalques dos «boys da Cavaca Velha e da Perpétua»!!!
O regime do Kadafi e o de Angola sujam as mãos de sangue....
Por cá estende-se a passadeira vermelha e prestasse vassalagem à família «dos Santos» e ao séquito que a lambe,,,,,,
E disto....que dizem os porcos e sebentos?????




Eduardo dos Santos é um criminoso e, quem para ele trabalha, igualmente!!!!

O país dos pinóquios.....

"Estas medidas põem o país a pão e água. Não se põe um país a pão e água por precaução."
"Estamos disponíveis para soluções positivas, não para penhorar futuro tapando com impostos o que não se corta na despesa."
"Aceitarei reduções nas deduções no dia em que o Governo anunciar que vai reduzir a carga fiscal às famílias."
"Sabemos hoje que o Governo fez de conta. Disse que ia cortar e não cortou."
"Nas despesas correntes do Estado, há 10% a 15% de despesas que podem ser reduzidas."
"O pior que pode acontecer a Portugal neste momento é que todas as situações financeiras não venham para cima da mesa."
"Aqueles que são responsáveis pelo resvalar da despesa têm de ser civil e criminalmente responsáveis pelos seus actos."
"Vamos ter de cortar em gorduras e de poupar. O Estado vai ter de fazer austeridade, basta de aplicá-la só aos cidadãos."
"Ninguém nos verá impor sacrifícios aos que mais precisam. Os que têm mais terão que ajudar os que têm menos."
"Queremos transferir parte dos sacrifícios que se exigem às famílias e às empresas para o Estado."
"Já estamos fartos de um Governo que nunca sabe o que diz e nunca sabe o que assina em nome de Portugal."
"O Governo está-se a refugiar em desculpas para não dizer como é que tenciona concretizar a baixa da TSU com que se comprometeu no memorando.
"Para salvaguardar a coesão social prefiro onerar escalões mais elevados de IRS de modo a desonerar a classe média e baixa."
"Se vier a ser necessário algum ajustamento fiscal, será canalizado para o consumo e não para o rendimento das pessoas."
"Se formos Governo, posso garantir que não será necessário despedir pessoas nem cortar mais salários para sanear o sistema português."
"A ideia que se foi gerando de que o PSD vai aumentar o IVA não tem fundamento."
"A pior coisa é ter um Governo fraco. Um Governo mais forte imporá menos sacrifícios aos contribuintes e aos cidadãos."
"Não aceitaremos chantagens de estabilidade, não aceitamos o clima emocional de que quem não está caladinho não é patriota"
"O PSD chumbou o PEC 4 porque tem de se dizer basta: a austeridade não pode incidir sempre no aumento de impostos e no corte de rendimento."
"Já ouvi o primeiro-ministro dizer que o PSD quer acabar com o 13.º mês, mas nós nunca falámos disso e é um disparate."
"Como é possível manter um governo em que um primeiro-ministro mente?"
Conta de Twitter de Passos Coelho (@pedropassoscoelho), iniciada a 6 de Março de 2010. O último «tuite» transcrito é de 5 de Junho de 2011»
Artigo de Fernanda Câncio no Diário de Notícias
O país dos pinóquios.....cada um que «ganha» as eleições mente tanto ou mais que o anterior......
Só falta mesmo começarem a aparecer os anúncios pagos a pedirem desculpa por terem votado no Coelho....
Agora nem a «virgem» vos salva...
ARROTA PELINTRA!!!!

domingo, setembro 04, 2011

Ora quem explica????

“O Bloco de Esquerda tomou conhecimento, através da comunicação social, da possível existência de um crédito concedido pelo BPN à Amorim Energia para a compra de uma participação na Galp.
Segundo a notícia, o crédito, da ordem dos 1600 milhões de euros, teria sido concedido pelo BPN à Amorim Energia em 2006, antes do processo de nacionalização. A mesma fonte avança que o empréstimo não chegou a ser pago pela holding ao BPN, mantendo-se assim a divida de 1600 milhões de euros durante todo o período em que o Banco esteve na posse do Estado.
Acresce a esta informação o facto de a Amorim Energia ser uma holding detida, não apenas por Américo Amorim, mas que tem como accionistas a Santoro Holding Financial, de Isabel dos Santos, e a Sonagol. Como é conhecido, a Santoro Holding Financial, para além de accionista da Amorim Energia, é também accionista maioritária do Banco Internacional de Crédito, a quem o Estado irá vender o BPN. Desta forma, a venda do BPN, com os seus créditos, ao BIC, poderá implicar que o crédito de 1600 milhões de euros seja pago pela Amorim Energia a um banco que tem como principal accionista a própria devedora.”

Pergunta o deputado João Semedo:

“1. Confirma o Governo a existência de um crédito, por liquidar, da Amorim Energia ao BPN? Em caso afirmativo, qual o seu valor?
2. Caso exista, como explica o Governo a não execução do referido crédito para fazer face aos prejuízos associados ao BPN, durante os anos em que o banco esteve na posse do Estado?
3. Confirma o Governo que o referido activo se encontra num dos três veículos constituídos pela Caixa e transferidos para o Tesouro?
4. Perante o cenário de venda do BPN ao BIC, qual a situação do referido activo? Ficará em posse do Estado ou será incluído no pacote a privatizar?
5. Pode o Governo divulgar a lista de todos os créditos, incluídos nos veículos transferidos para o Tesouro, acima dos 250 milhões de euros?”

1 600 milhões de euros?
Isso é duas vezes o nosso corte do subsídio de natal e mais de metade do buraco anunciado do BPN. Eu também quero saber.
RESPONDEM OU TALVEZ NÃO?????

Esta gente devia ....desaparecer!!!!

Taxar os ricos é muito difícil....
Já taxar os pobres é muito fácil......
Que o diga o representante em Portugal da família José Eduardo dos Santos....que arrojo tem este senhor em falar de não taxar os ricos...sim que autoridade????VERGONHOSO!!!!

O gasto colossal!!!

Afinal o deficit colossal foi provocado pelo gasto colossal que resultou, por sua vez, do roubo colossal do BPN e do despesismo colossal da Madeira...
É tudo colossal...até a aldrabice!!!!!
Só num país de corruptos colossais, mentirosos colossais e gatunos colossais fariam que 868 anos de HISTÓRIA ficassem reduzidos à miséria....
Isto sim, é que é colossal!!!!  

Esta gente devia ...desaparecer!!!

«O antigo ministro João de Deus Pinheiro defendeu hoje um aumento da idade da reforma, a diminuição da “generosidade das pensões” e o crescimento das contribuições para a Segurança Social, sublinhando que os custos são neste momento “incomportáveis”.»


Se todos tivessemos uma generosa pensão como a dele, na idade em que ele as teve e contribuido como ele contribuiu para a Segurança Social acredito que todos aceitariamos de bom grado.
Porque é que esta gente não se cala, não se faz de "desaparecida" e fazem os seus jonhinhos de golfe em privado? Respeitem pelo menos aqueles que trabalharam no duro durante toda uma vida para agora subsistirem com pensões de miséria. Há gente que me mete nojo.
Gosto disto.
Retirado daqui.

Só facturar....

Empresa fantasma ganhou 47 obras por ajuste directo!!!
Sociedades fazem contratos antes de estar constituídas. e.......
Entidades públicas adjudicaram contratos por ajuste directo a sociedades que não estavam legalmente registadas.
E há outras empresas que ganham ajustes directos poucos dias após a sua constituição.
Este ano, já foram feitos quase mil milhões de euros em ajustes directos.
Já foram os empreiteiros, depois as mais-valias dos investimentos, parcerias público/privadas, negócios do futebol, estradas e caminho construídos ao abrigo da clientela, empresas municipais.......agora os ajustes directos e....empresas fantasmas!!!!
Tudo em prol do pecúlio DELES!!!
ARROTA PELINTRA!!!

Ele escreveu????



Dizem que o Alberto escreveu ao Coelho!!!
Mas que raio levou o Alberto João a escrever ao Coelho???
Será que é um pedido???
Um desejo???
Um convite???
Não parece...
Hoje em dia que há o «twitter», o «mail» ou os «sms» por que carga de água o Alberto João vai escrever uma «cartinha» ao Coelho???
Se estivesses à beira do Natal.....um presente???
Se fosse a Páscoa ....um coelho???
Agora, em finais de férias de verão...que levou o Alberto João a escrever???
Segundo fontes muito próximas do Alberto João a carta era um convite!!!
Isso mesmo um convite.
Para quê???
Par o Coelho inaugurar mais uma obra a pagar pelos impostos do «dos cubanos do continente».
E que obra é essa que merece a presença de tão insígnia personagem???
Nada mais nada menos que uma «estradinha» de dois quilómetros que APENAS SERVE DOIS HABITANTES EM GAULA: o chefe do gabinete do presidente da câmara municipal de Santa Cruz e o seu motorista!!!
Donos & Ditadores lá como cá.......senhores dos meios que julgam pertencer-lhes.....GORDUROSOS!!!
Ora bem...aqui está o mistério da carta!!! 

sexta-feira, setembro 02, 2011

quinta-feira, setembro 01, 2011

Revista de imprensa


Mais e mais do mesmo.....

Salário congelado atinge 700 mil na Função Pública!!!!!
Os 700 mil trabalhadores da Função Pública vão perder sete euros por cada cem de salário nos próximos três anos.
Esta é a consequência do congelamento dos vencimentos, por mais dois anos,anunciado pelo Governo, que representará uma quebra no poder de compra dos funcionários públicos de 7% entre 2011 e 2013.
Os pensionistas serão também abrangidos pelo congelamento das pensões até 2014, dado que apenas as reformas inferiores a 246 euros por mês serão actualizadas à taxa de inflação.
Para além de todos os cortes há mais....muito mais..... despedimentos e mais despedimentos!!!
Mas, há mais....então os desempregados não é que vão pagar IRS em 2012????
Só mesmo um governo de Massamá......
Mas, mais e mais.....prevê-se ainda cortes nos subsídios de desemprego, com a redução do tecto máximo de 3 para 2,5 IAS (Índice de Apoio Social), que hoje é de 419 euros.
O valor máximo do subsídio de desemprego é de 1257 euros e irá passar para 1047 euros.
A redução do período máximo de concessão do subsídio para 18 meses e do valor da prestação ao fim de 6 meses de atribuição, num mínimo de 10% do valor total, são outras medidas. Enquanto receberem, os desempregados vão ter de pagar IRS!!!!
VERGONHOSO.
Sempre os mesmos a pagar...o fim da classe média!!!
Pobres e arruinados o destino dos portugueses......